Quarta-feira, 31 de Outubro de 2007

Day 1: Shanghai - Auckland - Cairns

O dia comecou em grande, com duas horas de sono. Acabar de por as ultimas coisas nas mochilas (a proposito, vao ser 45 dias sem cedilhas nem acentos), dar a chave de casa a Vanessa e a Filipa e apanhar boleia de taxi ate ao metro. Maglev ate ao aeroporto, 1h30 para fazer o checkin - primeiro porque apesar de ter chegado 2 horas antes metade da populacao chinesa ja la estava e depois porque pedi uma coisa muito complicada que era fazer logo o check-in da mochila ate Cairns (15minutos foram da menina a tentar perceber Cairns em caracteres como e que era...).

 

Chineses com fartura, that is, barulheira na porta de embarque e no voo. Notavel como num voo que e maioritariamente passado a noite eles nao descansam, sempre em pe, de um lado para o outro, a conversar. 45min de Evan Almighty e outros tantos de Live Free or Die Hard e umas boas 5 ou 6 horas de sono. Ainda nao estou ao nivel do Gao Ming, mas para la caminho. 11h40m depois aterro em Auckland, as 7 da manha de dia 31.

 

 

3 hours in New Zealand. Blue, blue sky

 

Nem chego a passar na alfandega e vou logo para  zona dos transfers. Na international transfer desk peco para me emitirem o bilhete. Passados 2 minutos de luta com o computador, sou informado que o meu visto electronico para a Australia nao esta a ser aceite. Fantastico, tudo o que quero ouvir. Por 10 vezes o funcionario (com toques de Maori) diz-me em tom reprovador: "that's why I really needed to see that printout". Isto depois de no site da Immigration Australia, onde fiz o visto, terem explicitamente dito que nao valia a pena imprimir porque nao servia de nada, apenas os dados registados electronicamente. Telefonema para Camberra e 5 minutos depois ja ha visto. "You were very lucky... sometimes takes 2 hours... that's why I really needed to see that printout...". Quando olhei para o computador vi que ele tinha escrito Malo Alves (o que pode explicar alguma coisa), mas achei que nao valia a pena estar com preciosismos...

 

Uma porta de embarque em condicoes de tal maneira que, quando chego, estao apenas 3 pessoas e decido deitar-me. Uma meia-hora depois, a estranhar o silencio (tu queres ver que me enganei na porta?) levanto-me - a sala esta cheia, mas de gente sossegada e respeitadora.

 

Mais 5 horas de voo e aterro em Cairns. Decido, depois de muita ponderacao, declarar na alfandega os tres pacotes de cha que levo de recuerdo. Fazem-me uma serie de perguntas e realmente a minha historia nao e muito normal. Portugues, vivo ha 9 meses na China, estive na Tailandia o mes passado, vim da Nova Zelandia, fico 15 dias, volto para a Nova Zelandia, depois para a China, depois hei de ir a Portugal e finalmente volto para a China. Perguntas com fartura, mas o cha passa.

 

Youth hostel, excursoes marcadas, tarde na "lagoa" a tomar banho e apanhar sol.

 

 

 

 

 

 

Vai ser muito complicado so estar 15 dias neste pais.


publicado por JNA às 09:02
link do post | dissertar | favorito
|
1 comentário:
De Lita (badochinha) a 1 de Novembro de 2007 às 10:34
Babe ja tenho saudades, diverte-te muito, aguardo-te com uma Australiana debaixo do braço! (Ou tu debaixo do braço dela) lol beijoooooooooooooo


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.dissertações recentes

. Ano Novo, Blog Novo

. 64 Fotos NZ

. Nova Zelândia, resumo da ...

. Chuck Norris

. Quase, quase 11 meses

. O smog nao engana

. Parece que Portugal e des...

. Let's go to the movies

. Decisoes, decisoes

. Quero o meu quarto, a min...

.dissertações anteriores

.tags

. todas as tags

.outros dissertadores

.My Visual DNA

Read my VisualDNA Get your own VisualDNA™
SAPO Blogs

.subscrever feeds